Bandagens funcionais são temas de curso de curta duração
Atendimento via chat
Atendimento via chat
08/08/2018 12:35 pm

Bandagens funcionais são temas de curso de curta duração

O Centro Universitário de João Pessoa – Unipê realizará um curso de curta duração intitulado “Bandagens Funcionais”, no dia 1º de setembro. Voltado a estudantes e profissionais da Fisioterapia, o curso realizará uma capacitação para a aplicação de bandagens funcionais. Isso tendo em vista o auxílio no tratamento fisioterapêutico de pacientes na área de traumato-ortopedia e desportiva.

O minicurso é proporcionado pelo Programa de Educação Continuada e será realizado no Campus da Instituição, em Água Fria, João Pessoa. A programação do curso contempla as seguintes temáticas: Introdução a bandagens funcionais; Tipos de bandagens funcionais (rígidas e elásticas); Raciocínio clínico para aplicação de bandagens; Diretrizes de aplicação de bandagens funcionais; Aplicação de bandagens no tornozelo e pé; Joelho; ombro, cotovelo, punho e dedos.

Os alunos devem trazer alguns materiais para participarem da aula: 2 (dois) esparadrapos de 10 cm; e 1 (um) esparadrapo micropore. Aos interessados, as inscrições estão abertas em unipe.br/curta-duracao. O investimento é de R$ 180. A aula ocorrerá das 8h às 18h, no dia 1º de setembro, e será ministrada pelo professor da UFPB José Diego Sales do Nascimento.

Expertise

José Diego Sales do Nascimento é doutorando em Fisioterapia pela UFRN e professor substituto da UFPB. Sales é especialista em Quiropraxia pelo COFFITO (Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional).

O professor tem formação internacional no Conceito Mulligan e Conceito Maitland pelo MCTA (EUA), formação avançada em Técnicas Manipulativas Osteopáticas pela IBRATES, além de formação em Bandagem Funcional pela POSTURE (João Pessoa – PB).

Serviço

Curta Duração – Bandagens Funcionais

Data: 1º de setembro | Horário: das 8h às 18h

Inscrições: unipe.br/curta-duracao

Investimento: R$ 180

Local: Campus do Unipê, em Água Fria, João Pessoa.

Fonte: Assessoria de Comunicação - ASCOM