28/08/2017 09:06 am

Unipê volta com mais de 300 vagas para atividades físicas gratuitas

Para quem está procurando voltar ou iniciar atividades físicas, o Centro Universitário de João Pessoa – Unipê ofertará 369 vagas para atividades físicas gratuitas. Neste semestre, serão seis modalidades esportivas, duas delas novas, ofertadas para toda a população da capital e região. Os projetos são desenvolvidos por estudantes do curso de Educação Física com supervisão de professores em diversos dias e horários.

Os interessados poderão se inscrever por meio de formulários online entre os dias 28 de agosto e 1º de setembro. As inscrições para os públicos infantil e adulto podem ser realizadas aqui e neste link, respectivamente. As inscrições seguirão de acordo com o preenchimento das vagas disponíveis e só é possível escolher uma modalidade. Haverá, também, lista de espera para o caso de ocorrerem inscrições além do número ofertado. Os candidatos selecionados para as vagas receberão confirmação via e-mail.

Confira a relação de dias e horários das modalidades, bem como a faixa etária para cada uma (a inscrição somente poderá ser realizada dentro de sua faixa etária):

Modalidades ofertadas

Neste período (2017.2), o curso retomará atividades já conhecidas e aumentará o leque de opções para a população com as modalidades de Hidroginástica e Natação para diversas idades em seis turmas. Além dessas novas modalidades, haverá o Treinamento Funcional Baby, para crianças entre 3 e 6 anos de idade.

A professora Silva Nóbrega vai comandar cinco destas turmas, que serão distribuídas da seguinte maneira: Natação para crianças e adolescentes (que não sabem nadar) entre 8 e 14 anos de idade e para adultos acima de 18 anos; e Hidroginástica para adultos entre 18 e 30 anos, para adultos entre 30 e 60 anos e para idosos acima de 60 anos.

Já o professor Bruno Teixeira Barbosa vai orientar uma turma voltada exclusivamente para idosos com idade igual e superior a 60 anos no projeto intitulado “Hidroginástica na Terceira Idade”.

Segundo o coordenador das extensões na área, prof. Marcos Filho, “ambos os projetos têm como objetivo proporcionar a melhoria da saúde e da qualidade de vida por meio de atividades realizadas no meio líquido”.

Treinamento Funcional Baby

Ao aprender a movimentar seu corpo a partir da prática de exercício físico, a criança tem benefícios para a saúde já na infância e ao longo de sua vida, segundo afirma o coordenador adjunto do curso de Educação Física, prof. Eric Lucena. Por isso, neste semestre foi incluído o projeto de Treinamento Funcional Baby. “A prática de atividade física deve ser incentivada deste muito cedo, para que a criança aprenda a movimentar seu corpo, adquirindo competência motora para realizar atividades do dia a dia infantil como pular, correr, girar”, exemplificou o professor.

Orientado pela professora Tais Feitosa, esse projeto será voltado para crianças entre 3 e 6 anos de idade que estejam acima do peso ideal para a saúde. As atividades acontecerão nas terças e quintas-feiras, das 18h às 19h, no Ginásio Unipê, “com atividades de equilíbrio, agilidade, velocidade, coordenação motora, flexibilidade, entre outros componentes físicos, sempre contemplando brincadeiras e jogos da infância, para que, além de promover saúde através do exercício físico, as crianças se divirtam e sintam prazer ao participar das atividades”, informou o professor Eric.

As demais extensões são: projeto “Mix de Exercícios”, voltado para pessoas de quaisquer idades, que envolve modalidades diversas, entre elas a aeróbica, o step, o jump, exercícios ao ar livre e outros; Escalada Esportiva (acima de 18 anos); Musculação (idosos acima de 60 anos); e Treinamento Funcional (para crianças, adultos e idosos). A relação de dias e horários das modalidades, bem como da faixa etária para cada uma, pode ser conferida aqui.

Matrícula

O início das atividades acontecerá no dia 5 de setembro e os contemplados poderão se matricular no dia e horário da modalidade escolhida. No ato da matrícula, os candidatos selecionados deverão levar atestado médico que comprove aptidão para praticar atividades físicas e esportivas e documento de identificação com fotografia.

A matrícula deve ser feita em até 15 dias após o início das modalidades, caso contrário os contemplados perderão a vaga para o próximo candidato da Lista de Espera.

Para menores de idade, será necessária uma declaração de autorização feita pelos responsáveis, que devem acompanhá-los na matrícula. Para dar início às atividades, todas as pessoas que se matricularem passarão pelo Laboratório Sanny, onde realizarão avaliações antropométricas e neuromotoras.

Fonte: Assessoria de Comunicação - ASCOM